0

Revestimento Para Cozinha: Dicas Para Escolher o Ideal

Share

A cozinha não precisa ser um ambiente apenas para preparar e fazer refeições. Nela podemos reunir amigos e familiares para momentos de lazer, isso faz com que sua decoração deva ser alegre, confortável, prática e bonita! Para deixar o ambiente com a sua cara, exalando personalidade, uma ideia interessante é decorar o cenário usando revestimento para cozinha.

Ao escolher um revestimento para cozinha, é importante considerar alguns fatores, como:

  • Resistência: a cozinha é um ambiente úmido e com grande circulação de pessoas, por isso, o revestimento deve ser resistente à água, à gordura e à abrasão.
  • Manutenção: o revestimento deve ser fácil de limpar e manter.
  • Estilo: o revestimento deve combinar com o estilo da decoração da cozinha.

Tipos de revestimento para cozinha

Existem diversos tipos de revestimento para cozinha, cada um com suas próprias características e vantagens.

Pisos

Os pisos são a parte mais importante do revestimento da cozinha, pois devem ser resistentes à umidade e à abrasão. Os tipos de pisos mais comuns para cozinha são:

  • Cerâmica: a cerâmica é um material resistente, durável e fácil de limpar. É uma opção versátil, que pode ser encontrada em diversos estilos e cores.
  • Ladrilho hidráulico: o ladrilho hidráulico é um material artesanal, que confere um toque de charme e personalidade à cozinha. É um material resistente, mas pode ser mais difícil de limpar.
  • Piso vinílico: o piso vinílico é uma opção moderna e prática, que é resistente à água e à abrasão. É uma opção fácil de limpar e manter.
  • Piso de porcelanato: o porcelanato é um material resistente e durável, que pode ser encontrado em diversas cores e acabamentos. É uma opção mais cara que a cerâmica, mas também mais resistente.

Paredes

Os revestimentos de parede para cozinha são ideais para proteger as áreas atrás do fogão e da pia, evitando que elas fiquem sujas de óleo, água e umidade. Além disso, podem ter a função de decorar o ambiente com detalhes, deixando-o mais agradável e aconchegante.

As paredes também podem ter um revestimento para cozinha de diversos materiais, como:

  • Azulejos:  Os azulejos são os mais populares, por possuírem um leque de opções e serem fáceis de harmonizar com o resto do ambiente. O único detalhe a ser observado com os azulejos é não combinar cores claras com rejunte escuro, pois o resultado fica visualmente destoante. É uma opção resistente e durável, mas pode ser mais difícil de limpar.
  • Pastilhas: as pastilhas são uma opção moderna e versátil, que pode ser encontrada em diversos estilos e cores. É uma opção resistente e fácil de limpar. As pastilhas de vidro são muito usadas em cozinhas com uma decoração moderna. São usadas sobre a pia ou até mesmo por toda uma parede. São ideais para decorar com criatividade, sem necessidade de incrementar o ambiente com materiais diferentes.
  • Papel de parede: o papel de parede é uma opção prática e econômica, que pode ser trocado facilmente. É uma opção fácil de limpar, mas pode ser menos resistente à umidade.
  • Madeira: a madeira é um material natural, que confere um toque de aconchego à cozinha. É uma opção resistente e durável, mas pode ser mais cara que os outros materiais.
  • Mármore: rústico e aconchegante, contrastando com o resto do ambiente. Esse tipo de pedra costuma ser muito dispendioso. Portanto, uma alternativa similar é o porcelanato em mármore, que tem um visual muito parecido e é muito mais vantajoso.

Dicas para escolher o revestimento para cozinha

Ao escolher o revestimento para cozinha, é importante considerar alguns fatores, como:

  • O estilo da decoração: o revestimento deve combinar com o estilo da decoração da cozinha. Por exemplo, se a decoração é moderna, o revestimento pode ser de cerâmica, porcelanato ou pastilhas. Se a decoração é rústica, o revestimento pode ser de madeira ou ladrilho hidráulico.
  • O tamanho da cozinha: o revestimento deve ser proporcional ao tamanho da cozinha. Por exemplo, se a cozinha é pequena, o revestimento pode ser de cor clara, para ampliar o ambiente.
  • A iluminação: o revestimento deve ser escolhido de acordo com a iluminação da cozinha. Por exemplo, se a cozinha é bem iluminada, o revestimento pode ser de cor escura. Se a cozinha é pouco iluminada, o revestimento deve ser de cor clara.

Gostou das dicas sobre revestimento para cozinha?

O revestimento da cozinha é um elemento importante da decoração, pois é o que dá o acabamento final ao ambiente. Por isso, é importante escolher o revestimento certo, que seja bonito, funcional e que combine com o estilo da decoração.

Ao seguir as dicas apresentadas neste artigo, você poderá escolher o revestimento ideal para a sua cozinha e deixá-la ainda mais bonita e funcional!

E, se você deseja ter uma cozinha americana ou uma cozinha preta, não deixe de conferir nossos posts!